Diretora da Contratuh integra grupo da CLAMU

Compartilhe:

O Comitê da Mulher Latino-Americana da UITA (CLAMU) escolheu Rejane Cabral, da CONTRATUH Brasil, para fazer parte do Grupo HRCT (hotelaria e turismo) na nova edição da campanha regional unificada dos 16 dias de ativismo contra a violência de gênero e pela promoção dos direitos humanos.

O anúncio foi feito durante a última reunião virtual da entidade, na terça-feira passada.

Este é o terceiro ano consecutivo que as organizações filiadas à Regional UITA, assumem a campanha internacional que pretende prevenir todo tipo de violência contra a mulher.

Participam mais de 40 representantes, que analisaram o material gráfico preparado para a campanha e as propostas de trabalho que acontecerão durante os 16 dias de ativismo.

Na reunião Marta Anariba, de Sitraina (Honduras), Dania Obando, da FENTRAGH (Costa Rica) e Adela Torres, do SINTRAINGRO, foram escolhidas para fazer parte do Grupo Profissional de Trabalhadores Agrícolas da UITA (GPTA) que se reuniu em Genebra nos dias 7 e 8 de novembro.

O CLAMU se torna um espaço de irmandade, um ponto de encontro, às vezes um refúgio e outras vezes uma alavanca que ampara quando as coisas ficam difíceis.

Frases marcantes apontaram a importância do CLAMU no processo que se desenvolve: “Todos juntos de mãos dadas, ninguém solta o outro”, e “neste grupo CLAMU não há estrelas únicas, somos uma constelação”.

A diretora da mulher, Maria dos Anjos Mesquita Hellmeister, a Mariazinha, que também participou da reunião, ressaltou a importância deste trabalho e destacou a escolha de Rejane Cabral para representar a CONTRATUH.