TOTENS VÃO AJUDAR TRABALHADOR A SE INFORMAR, NO INTERIOR DO BRASIL

Compartilhe:

O Tribunal Superior do Trabalho quer ampliar o acesso da população aos serviços oferecidos pela Justiça do Trabalho. Assim, nesta quinta-feira (22) começaram a ser instalados pelas cidades do Interior do Brasil, totens interativos.

“Somos a Justiça Social e como tal, precisamos facilitar o acesso da sociedade e de advogados que moram em cidades distantes, com pouca estrutura. Esse projeto é inovador e nosso objetivo é entregar serviços da Justiça do Trabalho de forma prática e intuitiva, principalmente àquelas pessoas que não têm computador ou acesso fácil à internet,” destaca o presidente presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST) e do Conselho Superior da Justiça do Trabalho, ministro Emmanoel Pereira.

As instalações serão em locais distintos das sedes das Varas do Trabalho, como em prefeituras, bancos e outros órgãos públicos, por meio de parcerias.

Simples, interativo e de uso intuitivo, o totem digital permite que o usuário possa consultar o andamento de processos trabalhistas. Além disso, permite, em poucos toques, se informar sobre a Vara do Trabalho mais próxima, acessar conteúdos informativos, como direitos e deveres do trabalhador, e vídeos sobre a legislação trabalhista.

Estão disponíveis também informações didáticas e de fácil compreensão sobre os programas da Justiça do Trabalho. É possível se informar sobre a execução trabalhista, acessar dicas de saúde e segurança no trabalho, entre outros.

Na tela “Quero Conciliar”, o cidadão se informa sobre os procedimentos que deve adotar para solicitar a conciliação no processo, além dos contatos dos Centros Judiciário de Métodos Consensuais de Solução de Disputas (Cejusc) mais próximos. O totem tem ainda informações sobre os malefícios do trabalho infantil e o papel da Justiça do Trabalho na erradicação desta prática. Oferece, ainda, os canais de denúncia de situações de violência ou de exploração contra a criança.

O primeiro equipamento foi inaugurado na prefeitura de Itaberaí, no interior de Goiás. A ideia é inaugurar, pelo menos, mais dois equipamentos até outubro, nas cidades de Macaíba (RN) e Serrinha (BA). (Fonte: TST)